Tudo sobre o Racionais MC’s, grupo de Rap formado por Mano Brown, Edi Rock, KL Jay e Ice Blue: músicas, shows, prêmios, frases e + [LISTA]

Mais do que músicos e lendas da cena Hip Hop, eles são “cientistas sociais” que retratam a sociedade por meio da arte. Hoje, vamos mostrar porque “o mundo é diferente da ponte pra cá”, contando a história do Racionais MC’s, que é o maior grupo de Rap do Brasil.

Aliás, já falamos deles aqui no blog em vários artigos ligados ao movimento Hip Hop, direta ou indiretamente. Então, chegou o momento de dedicar um post para o incrível trabalho desses artistas. Mas, antes disso, dá um confere no documentário das 3 décadas do grupo:

3 curiosidades sobre o Racionais MC’s

A seguir, listamos 3 curiosidades para conhecer a trajetória do Racionais MC’s. E aqui vai um spoiler: o nome do grupo veio do disco Tim Maia Racional, do ícone da MPB Tim Maia, sabia? Enfim, chega mais e aproveita pra ouvir uma playlist de Rap enquanto lê o post!

1. Quem são os Racionais MC’s?

O grupo de Rap Racionais MC’s é composto por Mano Brown, Edi Rock, KL Jay e Ice Blue. Desde 1989, os paulistas buscam “denunciar o racismo e o sistema capitalista opressor que patrocinava a miséria e estava automaticamente ligado com a violência e o crime”. 

Com 33 anos de carreira, os rappers seguem engajados nas causas sociais, inclusive atuando na cultura e na educação. Aliás, o estilo envolve Hip Hop, Gangsta Rap e Political Hip Hop, como na música Diário de um Detento, que fala sobre o Massacre do Carandiru

Integrantes do Racionais MC’s

  • Mano Brown (Pedro Paulo Soares Pereira): rapper e compositor que está entre os 100 maiores cantores da música brasileira. 
  • KL Jay (Kleber Geraldo Lelis Simões): DJ que cria batidas para acompanhar as rimas, além de lançar o campeonato Hip Hop DJ.
  • Edi Rock (Edivaldo Pereira Alves): rapper, compositor e b-boy que fez uma collab com a Asian Dub Foundation em 19 Rebellions.
  • Ice Blue (Paulo Eduardo Salvador): rapper, empresário e radialista, que apresenta o programa de rádio Balanço Rap.

2. Quando foi fundado o Racionais MC’s?

O primeiro registro musical dos Racionais MC’s aconteceu em 1989, com as faixas Pânico na Zona Sul e Tempos Difíceis. Segundo Mano Brown, “de cara, essas 2 músicas caíram na rua e já ‘deu’ uma balançada no sistema”, por meio da coletânea Consciência Black.

3. Como foi o começo do Racionais MC’s no Rap

No início da carreira, Mano Brown e Ice Blue curtiam os bailes Black, em que ouviam James Brown e Marvin Gaye. Por sua vez, Edi Rock e KL Jay começaram nas residências em bailes paulistas, também influenciados pelo Hip Hop e Funk que vinha dos Estados Unidos.

De acordo com o portal do grupo:

Com a ousadia da juventude e sem planejamento, os passos de Pedro Paulo e Paulo Eduardo os fizeram encontrar com Edivaldo e Kleber, dois jovens negros como eles que tocavam em festas da zona norte. 

A situação se construía assim e se firmou depois de uma audição no centro da capital paulista. Surgia então a participação no primeiro volume da Coletânea Consciência Black, álbum que reuniu vários nomes pioneiros do Rap Brasileiro. 

Não havia pretensão de profissão. Foi um encontro que deu certo e sob a batuta de Milton Salles, os quatro jovens gravaram “Pânico na Zona Sul” e “Tempos Difícieis” que integrou o primeiro Disco da série “Consciência Black” de 1989 pelo selo da Zimbabwe. 

Desde então, “o discurso e o conhecimento dos caras se expandiu e amadureceu”, trazendo à tona a voz da periferia. O primeiro álbum só deles foi o Holocausto Urbano e, assim, começaram a fazer vários shows, incluindo a participação especial na tour do Public Enemy.

Artcetera - perfil Instagram

RAPensando a Educação

Em 1992, eles começaram o projeto RAPensando a Educação, da Secretaria da Educação de São Paulo. Durante as palestras em escolas públicas, eles discutiam o cotidiano da periferia, falando sobre violência policial, miséria, racismo, tráfico, sistema prisional e afins.

Música Negra em Ação

Em 1993, o grupo participou do projeto Música Negra em Ação, junto com Thaíde e Dj Hum, Toninho Crespo e outros. Em paralelo, os Racionais fizeram uma série de shows filantrópicos, “sempre praticando o discurso social de suas músicas”.

Não por acaso, a filósofa Djamila Ribeiro mencionou que deu aulas usando a letra da música O Homem na Estrada. Afinal, essa era uma forma de explicar aos alunos uma realidade com a qual eles se identificavam.

Mural do Eduardo Kobra

Para celebrar os 25 anos dos Racionais, o grafiteiro Eduardo Kobra criou um mural no Capão Redondo. Falando nisso, o artista visual diz que os rappers “são a voz mais importante da periferia”, traduzindo a realidade e influenciando a vida de muita gente. 

5 maiores shows dos Racionais MC’s

Enquanto aguardamos a Racionais World Tour de 33 anos do grupo, vamos conferir alguns dos shows icônicos. Logo adiante, listamos 5 vídeos que constam no canal Racionais TV no Youtube:

1. MTV | VMB | 1998

2. MTV | VMB | 2012

3. Racionais | 25 anos | 2014

4. Festival Percurso | Capão Redondo | 2014

5. Turnê Cores e Valores | Florianópolis | 2015

7 músicas mais famosas do Racionais MC’s

Com 2.001.292 ouvintes mensais no Spotify, dá pra sacar que vem hit atrás de hit, né não? Por isso, separamos 7 faixas que estão entre as mais famosas do grupo, mas, certamente, levaria um artigo inteiro para falar de tantas “músicas simbólicas e carregadas de verdade”. 

Artcetera - perfil Spotify

1. Diário de um Detento

2. Capítulo 4, Versículo 3

3. Vida Loka, Pt. 1

4. Negro Drama

5. Da Ponte pra Cá

6. Jesus Chorou

7. Vida Loka, Pt. 2

5 destaques para além dos hits e da biografia do Racionais MC’s 

Agora que você conferiu os principais trabalhos do maior grupo de Rap do país, é só seguir o fio. Daqui em diante, traremos mais alguns destaques que marcaram o sucesso global dos rappers brasileiros.

1. Discografia do Racionais MC’s

  • Coletânea Consciência Black Vol. I | Rap Nacional | 1989
  • Holocausto Urbano | 1990
  • Escolha o seu Caminho | 1992
  • Raio-X do Brasil | 1993
  • Coletânea Racionais MC’s | 1994
  • Sobrevivendo no Inferno | 1997
  • Racionais Ao Vivo | 2001
  • Nada Como um Dia Após o Outro Dia | 2002
  • 1000 Trutas, 1000 Tretas | 2006
  • Cores & Valores | 2014
  • Coletânea 25 anos | 2014

2. Prêmios recebidos pelos Racionais MC’s

  • VMB | Escolha da Audiência | 1998
  • Prêmio Hutúz | Grupo ou Artista Solo | 2002
  • Ordem ao Mérito Cultural | Música | 2006
  • Prêmio Hutúz | Melhores artistas da década | 2009
  • VMB | Música e Clipe do Ano | 2012
  • Prêmio Mundo da Rua em SP | Melhor Grupo do Ano, DJ do Ano e Videoclipe | 2012
  • Troféu Raça Negra | Comunidade Negra | 2012
  • Prêmio Multishow | Melhor Show com a Turnê de 25 anos | 2014
  • Rolling Stone Brasil | Melhor Álbum | 2015
  • APCA | Melhor show do ano | 2019

3. Principais entrevistas e matérias dos Racionais MC’s

4. Frases famosas dos Racionais MC’s

  • “Minha palavra de honra me protege pra viver no país das calças bege.” | Diário de um Detento
  • “Onde estiver, seja lá como for. Tenha fé, porque até no lixão nasce flor.” | Vida Loka – Parte 1
  • “A vida é loka, nêgo. E, nela, eu tô de passagem.” | Vida Loka – Parte 2
  • “Não adianta querer ser, tem que ter pra trocar. O mundo é diferente da ponte pra cá.” | Da Ponte pra Cá
  • “Seu comercial de TV não me engana, eu não preciso de status nem fama.” | Capítulo 4, Versículo 3
  • “Na madrugada da favela não existem leis.” | O Homem na Estrada
  • “Se o barato é louco e o processo é lento, no momento, deixa eu caminhar contra o vento.” | Jesus Chorou
  • “Negro drama, entre o sucesso e a lama.” | Negro Drama
  • “O capitalismo me obrigou a ser bem sucedido.” | A Vida É Desafio
  • “Nego, São Paulo é selva e eu conheço a fauna.” | Eu Sou 157
  • “Mas hoje eu posso compreender que malandragem de verdade é viver.” | Fórmula Mágica da Paz
  • “A polícia sempre dá o mau exemplo. Lava a minha rua de sangue, leva o ódio pra dentro.” | Mágico de Oz
  • “Olha só aquele clube que da hora. Olha o pretinho vendo tudo do lado de fora.” | Fim de Semana no Parque
  • “Dinheiro e mulher. Quanto mais você tem, muito mais você quer.” | Estilo Cachorro
  • “É a selva de pedra, ela esmaga os humildes demais.” | Sou Mais Você
  • “Inteligência e personalidade mofando atrás da porra de uma grade.” | Tô Ouvindo Alguém Me Chamar
  • “Sangue no chão, a esperança que agoniza, reflete a vida que a novela satiriza.” | Expresso da Meia-Noite
  • “Mano, é preciso pregar a igualdade. Justiça, paz e liberdade.” | Vida Loka – Parte 3

5. Canais e redes sociais dos Racionais MC’s

E aí, o que achou da história dos Racionais MC’s, os rappers que rasgam o verbo para denunciar a desigualdade social? Aqui na Artcetera, já falamos sobre o trabalho deles em diversos posts, incluindo: 

  • curta os episódios do podcast Mano a Mano, do rapper Mano Brown
  • leia livro Sobrevivendo no Inferno, a leitura obrigatória para a Unicamp
  • ouça a trilha sonora Mil Faces de um Homem Leal, do filme Marighella

Até o próximo post!

Salvar