As definições de “15 minutos de fama” foram atualizadas. Afinal, esse é o período do Halftime Show, que acontece durante o jogo final da liga profissional de futebol americano. E é justamente disso que falaremos no post de hoje: o show do intervalo do Super Bowl!

Nesses 15 minutos, os fãs de esporte e música vão ao delírio com os espetáculos de tirar o fôlego. E o melhor: desde a década de 1960, essas super performances envolvem estrelas de diversos gêneros musicais, como: Rock, Pop, Country, Blues, Soul, R&B, Rap e outros.

Por exemplo, o show do intervalo do Super Bowl de 2022 conta com astros do movimento Hip Hop. E, se você quer ter uma ideia do que acontece na collab entre Eminem, Dr. Dre, Kendrick Lamar, Mary J. Blige e Snoop Dogg, confira o trailer deste mega evento e, mais adiante, veja a aparição surpresa de 50 Cent.

https://youtu.be/h3NhX6-5mO0

O que você vai conferir neste post:

5 curiosidades para fazer um tour pelos shows do intervalo do Super Bowl

Por incrível que pareça, o show do intervalo do Super Bowl começou em 1967, junto com o famoso campeonato. Com isso em mente, continue a leitura para conhecer 5 curiosidades do Halftime Show, uma superprodução que é transmitida para mais 170 países.

A propósito, que tal aproveitar a oportunidade para curtir uma playlist exclusiva enquanto lê o artigo? 

Artcetera - perfil Spotify

1. O que é o Super Bowl?

O Super Bowl é a final da NFL (National Football League), a liga profissional de futebol americano. Esse é o maior evento desportivo dos Estados Unidos, que une o tradicional esporte da bola oval com os shows musicais que acontecem no intervalo, o Halftime Show. 

2. A história dos shows do intervalo do Super Bowl

Desde 1967, o Super Bowl define o campeão da NFL, a liga esportiva profissional de futebol americano dos EUA. Em cada jogo, acontece também o Halftime Show, que se traduz como show do intervalo. 

Até a década de 1990, as performances costumavam ser feitas por bandas militares e universitárias. E, com os recordes de audiência na TV (e, anos depois, no streaming), grandes artistas passaram a se apresentar no evento. 

Em 1991, a boy band New Kids on the Block abriu espaço para as superproduções dos anos seguintes, com:

  • Gloria Estefan
  • Michael Jackson
  • Tony Bennett
  • Diana Ross
  • James Brown
  • Boyz II Men
  • The Temptations
  • Queen Latifah
  • Stevie Wonder
  • Phil Collins
  • Britney Spears
  • Shania Twain
  • Paul McCartney
  • The Rolling Stones
  • Prince
  • The Who
  • Slash
  • Madonna
  • Beyoncé
  • Katy Perry
  • Bruno Mars
  • Maroon 5
  • Shakira
  • J-Lo
  • The Weeknd
  • e mais

Ano após ano, o Halftime Show tem surpreendido com apresentações cheias de talento e efeitos especiais. Por outro lado, existem os episódios polêmicos, como o acidente com o figurino que expôs o seio de Janet Jackson, enquanto ela cantava com Justin Timberlake.  

3. Lista de todos os shows do intervalo do Super Bowl

Logo a seguir, listamos cada ano do Halftime Show e os artistas que brilharam durante o evento. Depois disso, falaremos sobre as performances deste ano, visto que a 56° edição do Super Bowl bateu a meta e, depois, dobrou a meta. 

Anos 1960: shows do intervalo do Super Bowl

  • 1967 | Banda Marcial da Universidade do Arizona, Banda Marcial da Universidade Estadual de Grambling, Al Hirt e Arcadia High School Drill Team
  • 1968 | Banda Marcial da Universidade Estadual de Grambling
  • 1969 | Florida A&M University

Anos 1970: shows do intervalo do Super Bowl

  • 1970 | Carol Channing e Banda Marcial da Southern University
  • 1971 | Banda Marcial da Universidade Southeast Missouri State e Up With People
  • 1972 | Ella Fitzgerald, Carol Channing, Al Hirt e USMC Drill Team
  • 1973 | Banda Marcial da Universidade de Michigan, Woody Herman e Andy Williams
  • 1974 | Banda Marcial da University of Texas, com a Miss Texas Judy Mallett
  • 1975 | Mercer Ellington & Banda Marcial da Grambling State University
  • 1976 | Up with People
  • 1977 | Los Angeles Unified All-City Band & Audience
  • 1978 | Tyler Junior College Apache Belles Drill Team, Apache Band Pete Fountain e Al Hirt
  • 1979 | Ken Hamilton, acompanhado de bandas caribenhas

Anos 1980: shows do intervalo do Super Bowl

  • 1980 | Up with People e Banda Marcial da Grambling State University
  • 1981 | Banda Marcial da Southern University e Helen O’Connell
  • 1982 | Up with People
  • 1983 | Los Angeles Super Drill Team
  • 1984 | Bandas Marciais da University of Florida e da Florida State University
  • 1985 | Tops In Blue
  • 1986 | Up with People
  • 1987 | George Burns, Mickey Rooney, Banda Marcial da Grambling State University, personagens da Disney e líderes de torcida do sudoeste da Califórnia
  • 1988 | Chubby Checker, The Rockettes e mais 88 pianistas
  • 1989 | Elvis Presto e dançarinos do sul da Califórnia

Anos 1990: shows do intervalo do Super Bowl

  • 1990 | Pete Fountain, Doug Kershaw, Irma Thomas, Bandas Marciais da Nicholls State University, Southern University e University of Louisiana at Lafayette
  • 1991 | New Kids on the Block, Warren Moon, personagens da Disney e 2.000 crianças locais
  • 1992 | Gloria Estefan, Brian Boitano e Dorothy Hamill
  • 1993 | Michael Jackson
  • 1994 | Clint Black, Tanya Tucker, Travis Tritt e The Judds
  • 1995 | Patti Labelle, Tony Bennett, Indiana Jones & Marion Ravenwood, Arturo Sandoval, Teddy Pendergrass e Miami Sound Machine
  • 1996 | Diana Ross
  • 1997 | The Blues Brothers (Dan Aykroyd, James Belushi e John Goodman), James Brown, ZZ Top e Catherine Crier
  • 1998 | Boyz II Men, Queen Latifah, Smokey Robinson, Martha Reeves, The Temptations e Banda da Grambling State University
  • 1999 | Stevie Wonder, Chaka Khan, Gloria Estefan, Big Bad Voodoo Daddy, Savion Glover e Kiss

Anos 2000: shows do intervalo do Super Bowl

  • 2000 | Phil Collins, Toni Braxton, Enrique Iglesias, Christina Aguilera e Edward James Olmos
  • 2001 | ‘N Sync, Britney Spears, Aerosmith, Mary J. Blige, Ben Stiller, Nelly, Adam Sandler e Chris Rock   
  • 2002 | U2
  • 2003 | Sting, No Doubt e Shania Twain 
  • 2004 | Janet Jackson, Nelly, P. Diddy, Justin Timberlake e Kid Rock 
  • 2005 | Paul McCartney
  • 2006 | The Rolling Stones
  • 2007 | Prince e Banda Marcial da Florida A&M University
  • 2008 | Tom Petty & the Heartbreakers
  • 2009 | Bruce Springsteen e E Street Band

Anos 2010: shows do intervalo do Super Bowl

  • 2010 | The Who
  • 2011 | The Black Eyed Peas, Slash e Usher 
  • 2012 | Madonna, M.I.A., Nicki Minaj, LMFAO, Cee Lo Green, Cirque du Soleil e High School Bands: Avon, Center Grove, Fishers e Franklin Central
  • 2013 | Beyoncé com Destiny’s Child
  • 2014 | Bruno Mars e Red Hot Chili Peppers
  • 2015 | Katy Perry, Missy Elliott, Lenny Kravitz e Banda Marcial da Universidade do Estado do Arizona
  • 2016 | Beyoncé, Coldplay e Bruno Mars
  • 2017 | Lady Gaga
  • 2018 | Justin Timberlake com Tennessee Kids e Banda Marcial da Universidade de Minnesota
  • 2019 | Maroon 5, Travis Scott e Big Boi

Anos 2020: shows do intervalo do Super Bowl

  • 2020 | Shakira, Jennifer Lopez, J Balvin, Bad Bunny e Emme Maribel Muñiz
  • 2021 | The Weeknd
  • 2022 | Eminem, Kendrick Lamar, Dr. Dre, Mary J. Blige, Snoop Dogg e 50 Cent

4. As 5 maiores audiências do intervalo do Super Bowl de todos os tempos

Segundo o portal Pop Line, esses foram os 5 shows do intervalo do Super Bowl mais assistidos:

  1. Katy Perry, Lenny Kravitz e Missy Elliott | 120,7 milhões de telespectadores
  2. Lady Gaga | 117,5 milhões de telespectadores
  3. Coldplay, Beyoncé e Bruno Mars | 115,5 milhões de telespectadores
  4. Bruno Mars e Red Hot Chili Peppers | 115,3 milhões de telespectadores
  5. Madonna, Cee Lo Green, LMFAO, M.I.A. e Nicki Minaj | 114 milhões de telespectadores

Artcetera - perfil Instagram

5. Algum artista brasileiro já cantou no show do intervalo do Super Bowl?

Ainda não tivemos um brasileiro diretamente sob os holofotes do Halftime Show, mas o Léo Santana chegou perto. Em 2020, ele cantou a música-tema do Super Bowl no canal ESPN, em ritmo de Swingueira (Pagode Baiano). Por sinal, aproveite para conferir o hit “É Show”:

Os 21 melhores shows do intervalo do Super Bowl de todos os tempos

Para conhecer os maiores shows do intervalo do Super Bowl, vamos começar com a lista do site Esportelândia. Depois disso, tomamos a liberdade de adicionar mais 2 cents entre os shows que fizeram história:

1. Michael Jackson | Tema: Cure o Mundo

2. Madonna, M.I.A., Nicki Minaj, LMFAO, Cee Lo Green, Cirque du Soleil e High School Bands: Avon, Center Grove, Fishers e Franklin Central | Tema: Cleópatra

3. The Rolling Stones

4. Beyoncé com Destiny’s Child 

5. Katy Perry, Lenny Kravitz, Missy Elliott e Banda Marcial da Universidade do Estado do Arizona

6. Lady Gaga

7. U2 | Tema: Tributo ao 11 de Setembro

8. Paul McCartney

9. Coldplay, Beyoncé e Bruno Mars

10. The Who

https://youtu.be/ScA2FqJn9ic

11. Shakira, Jennifer Lopez, J Balvin, Bad Bunny e Emme Maribel Muñiz

12. Bruno Mars e Red Hot Chili Peppers

13. Prince

14. Justin Timberlake com Tennessee Kids e Banda Marcial da Universidade de Minnesota

15. The Black Eyed Peas, Usher e Slash

16. ‘N Sync, Britney Spears, Aerosmith, Mary J. Blige, Ben Stiller, Nelly, Adam Sandler e Chris Rock | Tema: Os Reis do Pop e do Rock

17. Bruce Springsteen e E Street Band

18. Maroon 5, Travis Scott e Big Boi

19. Patti Labelle, Tony Bennett, Indiana Jones & Marion Ravenwood, Arturo Sandoval, Teddy Pendergrass e Miami Sound Machine | Tema: Indiana Jones e o Templo do Olho Proibido

20. The Weeknd

21. Eminem, Dr. Dre, Snoop Dogg, Mary J. Blige, Kendrick Lamar e 50 Cent

6 astros do Hip Hop no show do intervalo do Super Bowl 2022

Por ser sido um baita marco histórico, vale super a pena dar um confere no show do intervalo do Super Bowl 2022. Além da aparição surpresa do 50 Cent, já tinham sido confirmados grandes astros do Hip Hop: Dr. Dre, Snoop Dogg, Mary J. Blige, Kendrick Lamar e Eminem.

Spoiler alert: em um momento épico, Eminem repetiu o gesto antirracista do jogador e ativista Colin Kaepernick. Se liga:

Extra: artistas surdos na 56° edição do Super Bowl

O Super Bowl 2022 abre espaço para os rappers surdos Sean Forbes e Warren “WaWa” Snipe, convidados por Dr. Dre. Por sua vez, Sandra Mae Frank se apresenta no pré-jogo, com as versões de ASL (American Sign Language) do hino e de “America the Beautiful”.

Playlist com + de 40 hits do show do intervalo do Super Bowl

E, como não poderia ser diferente, criamos uma playlist com as músicas do show do intervalo do Super Bowl. Daqui em diante, é só dar o play em [Super Bowl] #60 Artcetera e curtir os hits deste mega evento que une os amantes de esporte e música.

Enfim, esperamos que você tenha gostado de conhecer as curiosidades que envolvem o Halftime Show. E, sempre que quiser fazer uma imersão no mundo da música (e da arte como um todo), volte aqui no blog Artcetera, okay? 

Estaremos te esperando, a começar pelo post sobre os melhores shows da Tiny Desk! 😉

Categorizado em: