10 hits para dançar ao som da história da House Music, com os maiores artistas de todos os tempos: Deadmau5, Calvin Harris, New Order e mais

De quantas batidas por minuto são feitos os hits da Música Eletrônica? Se você já pensou nisso, vem conhecer a história da House Music, que é um dos principais gêneros da e-music. Aliás, estamos falando de acelerar o coração até chegar aos 135 bpm. Topa? 

Então, prepare-se para curtir o groove dos grooves, no melhor estilo: let there be House! Por falar nisso, não deixe de ver o documentário “Pump Up The Volume – A História Da House Music”, do underground ao mainstream. 

7 curiosidades da história da House Music

Agora, vamos falar da história da House Music desde os hits que bombam nas pistas até as versões comerciais das rádios. E, para entrar no clima, aproveite para ouvir uma playlist enquanto lê o post! 🎶

Artcetera - perfil Spotify

1. O que significa House Music?

House Music é um estilo de Música Eletrônica com beats rápidos, que vão de 118 a 135 bpm (batidas por minuto). Originalmente, esse gênero também teve influência de:

2. Quem é considerado o fundador da House Music?

Se você perguntar quem criou a House Music, provavelmente vai ouvir o nome do padrinho Frankie Knuckles. Por sinal, até mesmo o nome do estilo é cortesia dele, devido às seleções musicais desse DJ no clube noturno The Warehouse.

Em paralelo, outro precursor da House é Tony Humphries, conhecido por espalhar o ritmo pelos 2 lados do Atlântico. Isso porque ele foi DJ residente no Zanzibar em Nova Jersey e no Ministry of Sound em Londres, além dos seus famosos remixes.

3. Onde nasceu a House Music? E como surgiu?

Chicago é o destino de quem quer saber onde surgiu a House Music, sendo que o nome do estilo vem de “Warehouse”. Aquele clube noturno em que o DJ Frankie Knuckles tocava, lembra?

Entre os anos 1970 e 1980, a história da House Music foi se desenvolvendo durante o auge da Era Disco. E, se você leu o post da Dance Music, sabe que as mesmas pistas foram dominadas por pessoas negras, LGBTQIA+ e latinas, certo?  

Desde então, a House Music incorporou muitos elementos, abrindo espaço para um amplo leque de variações estilísticas. Continue com a gente para conferir! 

4. Como aconteceu a História da House Music no Brasil?

Aqui no Brasil, a House Music costuma ser associada ao Poperô que imperava nas baladas dos anos 1980 e 1990. Inicialmente, a gíria era usada de um jeito depreciativo, mas o ritmo ganhou seu espaço junto à psicodelia do Trance, Techno e Psy. 

Entre os destaques da House Music brasileira na atualidade, podemos citar os DJs:

E, como bem lembrado pelo nosso leitor Polemmico DVJ, não podemos nos esquecer dos DJs que abriram caminho no país, como:

  • Iraí Campos, aquele que produziu o primeiro remix nacional: “Louras Geladas”, do RPM
  • Memê, que trabalhou com Lulu Santos, Gabriel, o Pensador, Shakira, Mariah Carey e mais

Juntos, eles criaram o primeiro curso de DJs no Brasil, nos anos 1990. E, se você tem curiosidade para saber como esse esquema funcionava, se liga nesse “hack” para produzir um remix com fita de rolo:

5. Quais as características da House Music?

Uma das principais características da House é a batida 4/4 da bateria eletrônica ou caixa de ritmos. Com samplers, baixos e sintetizadores, os DJs lançam mão de várias fontes de som para eletrizar as pistas de dança, literalmente.

Enquanto outros estilos apostam no downtempo (como Soul e Jazz), a House é toda trabalhada no uptempo. Ou seja, a proposta da House Music é justamente ter um ritmo musical bem acelerado, chegando aos 135 bpm.

Por outro lado, os primeiros hits da House tinham batidas um pouco mais lentas, sabia disso? Nesse caso, continuavam as repetições eletrônicas com os sintetizadores, mas mudavam as sequências envolventes e bem marcadas.

6. Quais são as variações estilísticas da House Music?

Por ser um estilo mais flexível, a House Music tem diversos subgêneros e gêneros de fusão, inclusive:

Artcetera - perfil Instagram

7. Quais são os maiores nomes da House Music de todos os tempos?

Realmente, as vertentes da House Music trazem uma infinidade de elementos e arranjos, não é mesmo? Pensando nisso, listamos os DJs e produtores que se destacam nas publicações da House Mag, entre os diversos estilos House: 

E para você, quem marcou a história da House Music? Conta pra gente lá nos comentários!

A propósito, um dos nossos leitores, o DJ Marcelo Santiago, nos enviou um set mixado do Vintage Culture. Confira:

10 hits para dançar enquanto curte a história da House Music

Para conhecer a história da House Music, nada melhor do que “sentir na pele” o som eletrizante das pistas, né? Vamos lá! 

1. Ghosts ‘N’ Stuff

Para curtir o estilo Electro House, a dica é começar pela collab de Deadmau5 feat. Rob Swire. Esse hit tem um intrincado Complextro, mesclando o Fidget House e o Dubstep.

2. Missing

“Missing” é a canção de assinatura da banda Everything But The Girl, com um mix de House, Trip Hop e Lounge. O single ficou em 2º lugar na parada Billboard de 1995. 

3. Let Me Love You

No mood de Tropical House, “Let Me Love You” é uma collab do DJ Snake com Justin Bieber. Segundo a Rolling Stone, o clipe é um “Bonnie e Clyde com um toque a mais”.

4. Lovelee Dae

Com “Lovelee Dae”, Blaze é conhecido pelo Vocal House, que tem pitadas de Jazz, Disco e House. Dizem por aí que ele é um dos melhores DJs do sudeste asiático. O que você acha? 

5. To Be In Love

Já o Masters at Work (MAW) remixou hits de vários artistas, como Madonna, Janet Jackson e Jamiroquai. De quebra, eles têm um projeto paralelo focado na Música Latina, sabia?

6. Slow Down

O brasileiro Vintage Culture é uma das estrelas da House Music (e não só aqui no país). Falando nisso, ele está entre os 30 melhores DJs do mundo todo, conforme o ranking da DJ Mag

7. Fine Time

“Fine Time”, do New Order, marcou o lançamento do álbum Technique. Ao som do Acid House, o single bombou em charts de vários países: EUA, Irlanda, Espanha e outros. 

8. I <3 U SO

Por acaso, você já ouviu falar do French Touch? Pois bem, o duo Cassius costuma ser comparado com esse movimento musical, mas com uma pegada de Hip Hop.

9. Superstylin’

Por sua vez, o duo Groove Armada tem influências de Dub, Reggae, Dancehall e Garage House. E, além da indicação ao Grammy, “Superstylin” está entre as melhores da Billboard.

10. One Kiss

Por último, mas não menos importante, vamos fechar a lista com uma música do estilo Diva House. E a collab de Calvin Harris e Dua Lipa ainda tem um toque de R&B com Dance-pop. 

Playlist com + de 70 hits da House Music

Curtiu as músicas do post? Então, que tal dançar ao som da playlist [House Music] #23 Artcetera?

Bônus: a história da House Music envolvendo outros ritmos

Enfim, esperamos que você tenha gostado de conhecer a história da House Music. Por aqui, continuamos no after party eterno para que você possa conferir mais posts da Arcetera! 💓

David Guetta GIF by Billboard Music Awards - Find & Share on GIPHY

Salvar