Se você é fã de Literatura, provavelmente deve ter ouvido falar de vários autores incríveis que tiveram dificuldades na hora da publicação. Por exemplo, já conhece a saga de Mary Shelley até finalmente publicar o icônico Frankenstein (e ser reconhecida por isso)? 🖤

No post de hoje, listamos as melhores editoras de livros, isto é, empresas que investem na editoração e posterior publicação das obras literárias. Isso inclui aquelas que têm curiosidades interessantes, as mais bem avaliadas no mercado e, ainda, as independentes.

Enfim, se você quer saber qual é a melhor e a mais famosa editora de livros da história, é só seguir o fio. E, como já contamos as origens da Literatura aqui no blog, chegou o momento de trazer uma nova perspectiva sobre a publicação das obras. Vamos nessa?

60 melhores editoras de livros nacionais e internacionais

Salinger dizia: “Bom mesmo é o livro que, quando a gente acaba de ler, fica querendo ser o melhor amigo do autor”. Mas e quanto àqueles que viabilizam a publicação das obras que adoramos? Logo abaixo, veja quais são as melhores editoras de livros ao redor do mundo.

Para começar, temos 7 destaques que abordaremos neste artigo, visto que publicaram alguns dos melhores livros de todos os tempos. Além disso, veja as 53 editoras do Ranking of International Publishing e, também, as 10 independentes que estão ganhando espaço.

Artcetera - perfil Spotify

7 destaques entre as melhores editoras de livros do Brasil e do mundo

  1. Alfred A. Knopf | Estados Unidos
  2. Companhia das Letras | Brasil
  3. Éditions Gallimard | França
  4. Lackington, Hughes, Harding, Mavor & Jones | Reino Unido
  5. LeYa | Portugal
  6. Ру́сский ве́стник (O Mensageiro Russo) | Rússia
  7. Rocco | Brasil

53 melhores editoras de livros no ranking de publicação global

  1. Pearson | Reino Unido
  2. RELX Group (Reed Elsevier) | Reino Unido, Holanda e Estados Unidos
  3. ThomsonReuters | Estados Unidos
  4. Bertelsmann | Alemanha
  5. Wolters Kluwer | Holanda
  6. Hachette Livre | França
  7. Grupo Planeta | Espanha
  8. Springer Nature | Alemanha
  9. Scholastic | Estados Unidos
  10. McGraw-Hill Education | Estados Unidos
  11. Wiley | Estados Unidos
  12. Harper Collins | Estados Unidos
  13. Cengage Learning Holdings II LP | Estados Unidos
  14. Holtzbrinck | Alemanha
  15. Houghton Mifflin Harcourt | Estados Unidos
  16. Informa | Reino Unido
  17. Oxford University Press | Reino Unido
  18. Kodansha Ltd. | Japão
  19. Shueisha | Japão
  20. Kadokawa Publishing (Kadokawa Shoten) | Japão
  21. Shogakukan | Japão
  22. Simon&Schuster | Estados Unidos
  23. Grupo Santillana | Espanha
  24. Klett | Alemanha
  25. Egmont Group | Dinamarca e Noruega
  26. Bonnier | Suécia
  27. Mondadori | Itália
  28. Woongjin ThinkBig | Coreia
  29. Les Editions Lefebvre-Sarrut | França
  30. Groupe Madrigall (Gallimard, Flammarion) | França
  31. Messagerie / GeMS (Gruppo editoriale Mauri Spagnol) | Itália
  32. Somos Educação | Brasil
  33. Media Participations | França
  34. Cambridge University Press | Reino Unido
  35. EKSMO-AST | Rússia
  36. Sanoma | Finlândia
  37. Westermann Verlagsgruppe | Alemanha
  38. Haufe Gruppe | Alemanha 
  39. Prosveshcheniye | Rússia
  40. Cornelsen | Alemanha
  41. WEKA | Alemanha
  42. Gakken Co. Ltd. | Japão
  43. Kyowon Co. Ltd. | Coreia
  44. C.H.Beck | Alemanha
  45. La Martinière Groupe | França
  46. Groupe Albin Michel | França
  47. France Loisirs | França
  48. Bungeishunju Ltd. | Japão
  49. Editora FTD | Brasil
  50. Thieme | Alemanha
  51. Bloomsbury | Reino Unido
  52. Shinchosha Publishing Co, Ltd. | Japão e Estados Unidos
  53. Quarto | Estados Unidos

Bônus: 10 editoras de livros independentes que você precisa conhecer no Brasil

  1. Autonomia Literária | São Paulo
  2. Edições Macondo | Minas Gerais
  3. Editora Cenário | Pernambuco
  4. Editora Oito e Meio | Rio de Janeiro
  5. Jandaíra (Pólen Livros) | São Paulo
  6. Panalux | São Paulo
  7. Patuá | São Paulo
  8. Quintal Edições | Minas Gerais
  9. Sobinfluencia Edições | São Paulo
  10. Zapata Edições | São Paulo

2 destaques entre as melhores editoras de livros do mundo de todos os tempos

Como seria impossível falar de tantas editoras em um único post, elencamos esses 2 destaques internacionais. 

Artcetera - perfil Instagram

1. Lackington, Hughes, Harding, Mavor & Jones

Sabia que Mary Shelley não obteve o crédito de Frankenstein: ou O Moderno Prometeu, na edição inaugural da obra? Foi na segunda edição, feita pela Lackington, Hughes, Harding, Mavor & Jones, que ela recebeu o crédito pelo primeiro livro de ficção científica da história.

>>> Dê o play para acompanhar a biografia da escritora e dramaturga Mary Shelley:

2. Ру́сский ве́стник (O Mensageiro Russo)

Ру́сский ве́стник, a.k.a. O Mensageiro Russo, foi um periódico veiculado entre os séculos XIX e XX. A revista lançou obras literárias aclamadas, como Anna Karenina e Guerra e Paz de Lev Tolstói e, ainda, Crime e Castigo e Os Irmãos Karamazov de Fiódor Dostoiévski.

>>> Veja mais: confira os principais clássicos literários da Rússia

2 destaques entre as melhores editoras de livros brasileiros de todos os tempos

Logo adiante, selecionamos 2 editoras que publicam grandes obras nacionais, bem como as traduções de livros internacionais.

1. Companhia das Letras

Hoje, a Companhia das Letras faz parte do grupo editorial que conta com 16 selos. Entre as obras famosas, destacam-se: Prólogo, Ato, Epílogo: Memórias, da Fernanda MontenegroPequeno Manual Antirracista, da Djamila Ribeiro; e Futuro Ancestral, de Ailton Krenak.

>>> Leia mais: curiosidades da Literatura do Brasil

2. Rocco

O catálogo da Rocco também é consolidado no país, com livros icônicos, sejam nacionais ou internacionais. Por exemplo, vale conferir: A Hora da Estrela, da Clarice Lispector; O Conto da Aia, de Margaret Atwood; e, ainda, Entrevista com o Vampiro, de Anne Rice.

>>> Dica de filme: veja a adaptação fílmica de Entrevista com o Vampiro

3 destaques entre as melhores editoras de livros da atualidade

Para finalizar, dê uma olhada nas editoras que, nos últimos anos, publicaram best-sellers pelo mundo afora.

1. LeYa

A obra Torto Arado, do brasileiro Itamar Vieira Junior, foi publicada inicialmente pelo grupo LeYa, de Portugal. Essa holding surgiu por meio das editoras de língua portuguesa: Edições ASA, Editorial Caminho, Edições Gailivro, Edições Nova Gaia, Texto Editora, Ndjira e Nzila.

2. Alfred A. Knopf

Por sua vez, Alfred A. Knopf veiculou a obra Americanah, da nigeriana Chimamanda Ngozi Adichie. Aliás, a editora tem publicações premiadas em seu catálogo, do Pulitzer ao Nobel, incluindo as obras de Gabriel García Márquez, Albert Camus e Jean-Paul Sartre.

>>> Não deixe de ler: descubra 260 autores africanos

3. Éditions Gallimard

Em se tratando de prêmios, a Éditions Gallimard investiu no livro que levou o Nobel de Literatura em 2022: O Acontecimento, de Annie Ernaux. Mas a tradição vem de longa data, com obras de Antoine de Saint-Exupéry, Marcel Proust, Jack Kerouac e Pablo Neruda.

Enfim, esperamos que você tenha gostado de conferir a lista das melhores editoras de livros nacionais e internacionais. E, se tiver outras para indicar aos leitores da Artcetera, aproveite para comentar aqui no post!

Categorizado em: