Leia os melhores livros de Funk: Vida de James Brown, Anitta - O Livro das Poderosas, Funk-se Quem Quiser, Estética Funk Carioca e + [LISTA]

Quer saber qual o melhor e mais famoso livro de Funk da história, seja no ritmo brasileiro ou estadunidense? Então, PRE-PA-RA! No post de hoje, selecionamos 12 livros de Funk do Brasil e do mundo para conhecer as nuances desse estilo que difere tanto entre as nações.

Por falar nisso, já contamos a história do Funk, explicando as diferenças entre os gêneros. E, só para recapitular: enquanto nos Estados Unidos a pegada é de Jazz, Soul, Groove e Rhythm and Blues, no nosso país, o batidão tem Charme, Rap, Freestyle e Miami Bass.

4 melhores livros de Funk brasileiros de todos os tempos

A seguir, listamos 4 publicações famosas sobre o Funk nacional e a expressão cultural do país. Dê uma olhada!

Artcetera - perfil Spotify

1. Funk-se Quem Quiser: no Batidão Negro da Cidade Carioca | Adriana Carvalho Lopes

Em Funk-se Quem Quiser, a Doutora em Estudos de Linguagens aborda a diáspora negra e a guerra dos sexos na música. Com foco no fenômeno sociocultural, “sua abordagem é comprometida ideológica e politicamente com aqueles que fazem o Funk: os funkeiros”.

2. A Estética Funk Carioca – Criação e Conectividade em Mr. Catra | Mylene Mizrahi

“Na maior diplomacia, sufocaram o proibidão, mas liberaram a putaria”: conhece a frase do Mr. Catra? Nessa linha, você definitivamente precisa ler A Estética Funk Carioca, obra que mostra como o artista buscava conscientizar o povo sobre a “hipocrisia da burguesia”.

3. Tamborzão: Olhares Sobre a Criminalização do Funk. Criminologia de Cordel 2 | Adriana Facina

Tamborzão: Olhares Sobre a Criminalização do Funk denuncia a perseguição policial aos funkeiros. Na obra, descubra como “o proibidão faz tremer, como sempre, os caretas e os covardes, aqueles que gostam de retratar essa juventude como carente ou demonizada”. 

4. Funk | Júlia Bezerra e Lucas Reginato

Embora essa não seja uma publicação aclamada pela crítica, fique à vontade para ler Funk e, depois, postar aqui seu review. No fim das contas, um livro que homenageia a diversidade da música nacional definitivamente merece um voto de confiança, né? 

4 melhores livros de Funk do mundo de todos os tempos

Logo adiante, elencamos os destaques entre os livros internacionais de Funk, sobretudo nos Estados Unidos. Confira!

1. A Vida de James Brown | Geoff Brown

Tá certo que o pioneiro do Funk foi Horace Silver, mas o swing de James Brown popularizou o estilo. Por isso, vale a pena conferir essa biografia que retrata os momentos bons e ruins da trajetória do rei do Funk. De quebra, não deixe de assistir ao filme Get On Up, hein?

2. Funk: the Music, the People, and the Rhythm of the One | Rickey Vincent

The Music, the People, and the Rhythm of the One conta a história do Funk, com ícones dos subgêneros. Aliás, a obra mostra como “seus ritmos e letras transformaram realidades urbanas sombrias de dentro para fora, com música distinta, dançante e irresistível”.

3. Funk: Third Ear – The Essential Listening Companion | Dave Thompson

Na série Third Ear, Funk traça as raízes do estilo desde James Brown até o Groove do Red Hot Chili Peppers. Ou seja, esse é um verdadeiro guia que traz biografias dos artistas junto à análise de “1.500 gravações que ilustram o som e o impacto musical de cada banda”. 😮

4. My Life with Earth, Wind & Fire | Maurice White e Herb Powell

Por sua vez, My Life with Earth, Wind & Fire foi escrito pelo fundador da lendária banda EW&F. É um “livro de memórias sincero, que captura o coração e a alma de um artista cujo som inovador continua a influenciar a música hoje”, unindo Funk, Pop, Soul, R&B e Disco.

4 melhores livros de Funk da atualidade

Agora, chegamos aos livros sobre Funk que foram lançados nos últimos anos e estão fazendo barulho. Se liga!

Artcetera - perfil Instagram

1. Anitta: o Livro das Poderosas | Vários autores

Em Anitta: o Livro das Poderosas, acompanhe a trajetória da brasileira que está bombando no mundo todo. Embora seja uma biografia não oficial, a obra é “feita especialmente para os fãs”, incluindo curiosidades sobre a vida dela e o “tino apurado para novas tendências”.

2. Preso na Gaiola: a Criminalização do Funk Carioca nas Páginas do Jornal do Brasil (1990-1999) | Juliana Bragança

Preso na Gaiola: a Criminalização do Funk Carioca evidencia a perseguição do poder público contra os funkeiros. “Estes, por sua vez, eram representados, em sua maioria, por jovens negros, pobres e favelados, revelando preconceitos de origem racial e social”.

3. O Funk na Batida: Baile, Rua e Parlamento | Danilo Cymrot

Funk na Batida: Baile, Rua e Parlamento também aborda a “repressão policial e legislação proibitiva”. Para uns, é “associado à criminalidade, violência e mau gosto”, mas, para outros, “é sinônimo de alegria, sensualidade, sucesso, glamour e ostentação – de brasilidade”. 

4. On Time: A Princely Life in Funk | Morris Day e David Ritz

Em On Time: A Princely Life in Funk, Morris Day relembra a “vida de turbulência e triunfo, narrando seu processo criativo com uma prosa explosiva que espelha a música inebriante”. E o melhor: ele fala da amizade e parceria musical com o magnífico Prince.   

Top 12: os melhores livros de Funk do Brasil e do mundo

Para finalizar, compilamos as dicas de livros de Funk, em ordem alfabética. Depois, não se esqueça de contar pra gente qual é o seu preferido, ok?

  1. A Estética Funk Carioca – Criação e Conectividade em Mr. Catra | Mylene Mizrahi
  2. A Vida de James Brown | Geoff Brown
  3. Anitta: o Livro das Poderosas | Vários autores
  4. Funk | Júlia Bezerra e Lucas Reginato
  5. Funk: the Music, the People, and the Rhythm of the One | Rickey Vincent
  6. Funk: Third Ear – The Essential Listening Companion | Dave Thompson
  7. Funk-se Quem Quiser: no Batidão Negro da Cidade Carioca | Adriana Carvalho Lopes
  8. My Life with Earth, Wind & Fire | Maurice White e Herb Powell
  9. O Funk na Batida: Baile, Rua e Parlamento | Danilo Cymrot
  10. On Time: A Princely Life in Funk | Morris Day e David Ritz
  11. Preso na Gaiola: a Criminalização do Funk Carioca nas Páginas do Jornal do Brasil (1990-1999) | Juliana Bragança
  12. Tamborzão: Olhares Sobre a Criminalização do Funk. Criminologia de Cordel 2 | Adriana Facina

E aí, curtiu essa lista de livros de Funk brasileiros e estadunidenses? Então, aproveite para ler mais posts da Artcetera que conectam os universos de Literatura e Música. Por exemplo, temos dicas de leitura para quem gosta de Jazz, Forró, Dance, Axé, Folk, Blues e mais! 

Salvar