Quais as danças populares do Brasil e do mundo? 10 destaques: Frevo, Cumbia, Quadrilha, Merengue, Cacuriá, Dança do Dragão, Polca e + [LISTA]

Já visitou outra cidade – aqui no país ou no exterior – e ficou encantado pela riqueza da cultura local? Com isso em mente, venha descobrir as danças populares que nos revelam as tradições regionais por meio da dança, que, por sua vez, é a arte do movimento.

Por exemplo, sabe aquela Dança do Dragão, que é mundialmente transmitida no ano novo chinês? Quando ela começou? E como sua simbologia traz insights dessa cultura milenar? Enfim, siga conosco para conhecer a pluralidade dessa e de outras tradições regionais. 🐉

5 curiosidades sobre as danças populares pelo mundo afora

Antes de conhecer as 215 danças populares de inúmeros países, que tal conferir algumas curiosidades sobre elas? A seguir, listamos os conceitos ligados aos diferentes tipos de dança para então abordar as linguagens que são características dos 4 cantos do mundo.  

1. O que é uma dança popular?

O termo “danças populares” costuma se referir às danças folclóricas, que representam as tradições dos povos. Em alguns casos, existem componentes recreativos, mas também estamos falando de aspectos religiosos, celebrações de acontecimentos marcantes e afins.

A Quadrilha, por exemplo, é uma dança típica da Festa Junina no Brasil, evento que tem a própria estética. Logo adiante, falaremos mais dessa que é uma das danças mais famosas do país. Logo, siga a leitura para conhecer várias linguagens da expressão do movimento. 

Artcetera - perfil Instagram

2. Quais são os tipos de dança populares?

As danças populares dizem respeito à cultura (e ao folclore) regional, conforme o período histórico. Para exemplificar, o Charleston foi uma dança bem popular nos anos 1920 em termos de fama, mas isso não necessariamente se converte em uma tradição do povo.

Por outro lado, o Frevo faz parte da cultura brasileira, tanto que ele se tornou um Patrimônio Imaterial da Humanidade. Nesse caso, existe toda uma história (e estética) envolvendo o enraizamento dessa dança no cerne da cultura local, partindo do Nordeste para o país todo.   

3. Quais são as danças mais populares do Brasil?

Listamos abaixo as danças brasileiras populares, lembrando que o país tem proporções continentais. Em outras palavras, pode ser que alguém do Norte nunca tenha ouvido falar da Chula, que é típica do Rio Grande do Sul. E tá tudo bem! Vivendo e aprendendo, né? 

  • Axé
  • Baião
  • Bumba Meu Boi
  • Cacuriá
  • Capoeira
  • Carimbó
  • Catira
  • Chimarrita
  • Chula
  • Ciranda
  • Coco de Roda
  • Forró
  • Frevo
  • Funk
  • Jongo
  • Lundu
  • Maculelê
  • Malambo
  • Maracatu
  • Pau de Fita
  • Piseiro
  • Quadrilha
  • Rancheira
  • Samba de Roda
  • Siriá
  • Xaxado
  • Xote
  • Zouk

4. Quais são as danças mais populares do mundo?

Agora, veja as danças populares de diversas regiões, sobre as quais falaremos em detalhes nos futuros posts do blog:

  • Ball de Bastons
  • Bhangra
  • Buyō
  • Cariñosa
  • Chacarera
  • Cumbia
  • Dança Circular
  • Dança do Dragão
  • Domkach
  • Fandango
  • Footwork
  • Garba Circular Devotional Dance
  • Hopak
  • Hula
  • Jenkka
  • Kabuki
  • Kathakali
  • Khattak Dance
  • Khigga
  • Kochari
  • Körtánc
  • Peacock Dance
  • Polca
  • Rajasthani
  • Salsa
  • Sattriya
  • Square Dance
  • Squat Dancing
  • Sword Dance
  • Tango
  • Tarantella
  • Valsa Vienense
  • Merengue

3. Lista de todas as danças populares

  • Abayi
  • Adumu
  • Ardah
  • Arrocha
  • Atiaru
  • Attan
  • Axé
  • Baião
  • Baile Folklorico
  • Bailecito
  • Balé Afro-Brasileiro
  • Balfolk
  • Ball de Bastons
  • Ballu tundu
  • Bambaê de Caixa
  • Bamboo Dance
  • Barynya
  • Bate-Caixa
  • Bate-Coxa
  • Batuque
  • Berd
  • Beryozka
  • Bhagavata Mel
  • Bhangra
  • Bharatanatyam
  • Bihu
  • Brega
  • Bugio
  • Bumba Meu Boi
  • Buyō
  • Cacuriá
  • Calabrian Tarantella
  • Calango
  • Caninha Verde
  • Capoeira
  • Carimbó
  • Cariñosa
  • Catira
  • Ceili Dance
  • Chaap 
  • Chacarera
  • Chamamé
  • Chhau Dance
  • Chholiya
  • Chimarrita
  • Chitrali Dance
  • Choro
  • Chula
  • Chumaky
  • Ciranda
  • Clogging
  • Coco
  • Congo
  • Contradance
  • Cueca
  • Cumbia
  • Cururu
  • Dança Circular
  • Dança da Onça
  • Dança do Boi de Mamão
  • Dança do Toré
  • Dança do Vilão
  • Dança dos Praiás
  • Dança Folclórica Suíça
  • Dança Paraguaia
  • Dança Popular Indiana
  • Dança-do-Lelê
  • Danças Afro-Brasileiras
  • Danças Folclóricas
  • Danças Tribais Indígenas
  • Dandiya Raas
  • Daychovo Horo
  • Diablada
  • Domkach
  • Dragon Dance
  • Espontão
  • Fandango
  • Fandango Nordestino
  • Footwork
  • Forró
  • Freilekhs
  • Frevo
  • Fugdi
  • Funk
  • Gaita Zuliana
  • Gankino Horo
  • Garba
  • Gato
  • Gaudiya Nritya
  • Gavotte
  • Gidda
  • Haka
  • Halay
  • Hopak
  • Hora
  • Horon
  • Hula
  • Irish Stepdance
  • Jacundá
  • Jenkka
  • Jongo
  • Jota
  • Kabuki
  • Kahê-Tuagê
  • Kalbelia
  • Kamarinskaya
  • Kambara
  • Kathakali
  • Khattak Dance
  • Khigga
  • Khorovod
  • Kochari
  • Kolo
  • Körtánc
  • Kozachok
  • Krakowiak
  • Kuarup
  • Kujawiak
  • Kurdish Dance
  • Kyushtdepdi
  • Lambada
  • Ländler
  • Lavani
  • Lewa
  • Lundu
  • Maculelê
  • Malambo
  • Mambo
  • Maneiro-Pau
  • Marabaixo
  • Maracatu
  • Marimbondo
  • Marujada
  • Maypole Dance
  • Mazurka
  • Merengue
  • Moçambique
  • Modinha
  • Monferrina
  • Morris Dance
  • Mtiuluri
  • Nisiotika
  • Nongak
  • Oberek
  • Ote’a
  • Paidushko Horo
  • Passinho
  • Pastoris
  • Pau de Fita
  • Peacock Dance
  • Pericom
  • Pezinho
  • Pisadinha
  • Pizzica
  • Polca
  • Polonaise
  • Polska
  • Povzunets
  • Pravo Horo
  • Quadrilha
  • Quilombo
  • Rajasthani
  • Rebolation
  • Reisado
  • Sabre Dance
  • Salsa
  • Samba Carnavalesco
  • Samba de Gafieira
  • Samba de Matuto
  • Samba de Roda
  • Samba no Pé
  • Samba-Rock
  • Sarabanda
  • Sattriya
  • Sekar Jepun
  • Sertanejo Universitário
  • Shalakho
  • Singkil
  • Siriá
  • Siriri
  • Square Dance
  • Squat Dancing
  • Suscia
  • Sword Dance
  • Tamang Selo Dance
  • Tambor de Crioula
  • Tamzara
  • Tango
  • Tanzara
  • Tarantella
  • Thabal Chongba
  • Ticumbi
  • Tippani
  • Tresenica
  • Troika
  • Tropak
  • Tza’ad Temani
  • Umbigada
  • Valsa Vienense
  • Vanerão
  • Verbuňk
  • Vira
  • Weapon Dance
  • Xaxado
  • Xote
  • Yablochko
  • Yakshagana
  • Yangge
  • Yankee Dutch crossing
  • Yarkhushta
  • Zamba
  • Zaouli
  • Zapin
  • Zeybek
  • Zouk

5 destaques entre as danças populares nacionais

Daqui em diante, falaremos sobre 5 danças populares brasileiras. E lembre-se: teremos mais posts do blog para abordar a diversidade das expressões artísticas do nosso país. 

1. Frevo

Sabia que o Frevo pernambucano tem elementos de Capoeira na dança e Maxixe, Marcha, Polca e Dobrado na música? Pois é! As coreografias envolvem cerca de 120 movimentos acelerados, incluindo as acrobacias que trazem aquela plasticidade simplesmente incrível.

2. Quadrilha

Por aqui, a Quadrilha está ligada à Festa Junina, sendo que aprendemos o “pula fogueira” desde a escola. Mas o que muita gente não sabe é que a dança original veio da Quadrille francesa e não tinha absolutamente nada de roupas caipiras, nem “olha a cobra, é mentira”!

3. Cacuriá

Seguindo a linha das tradições juninas, chegamos ao Cacuriá, que é típico do Maranhão. Mesclando elementos de Carimbó e Bambaê de Caixa, a dança está ligada à parte “profana” da Festa do Divino Espírito Santo, com versos improvisados e coro de brincantes.

4. Chula

Vinda de Portugal, a Chula ganhou novos contornos quando desembarcou no sul do Brasil. Ao som da gaita gaúcha, a sanfona, os dançarinos se “confrontam” enquanto sapateiam e mostram suas coreografias ao redor da “lança”, uma vara de madeira posicionada no chão.   

5. Coco

Essa dança de roda se chama Coco por conta das letras simples que vêm da cabeça, da cuca, do cucuruto. Em paralelo aos instrumentos ganzá, pandeiro, surdo e triângulo, alguns dançarinos usam tamancos para simular o som dos frutos do coqueiro sendo quebrados.

Artcetera - perfil Spotify

5 destaques entre as danças populares internacionais

Para finalizar o post, abordaremos mais 5 danças populares ao redor do mundo. E, futuramente, teremos uma série de artigos para falar de todas as expressões do movimento.

1. Cumbia

A Cumbia começou na Colômbia e rapidamente se espalhou pelos países hispanofalantes da América Latina. Provavelmente, sua origem vem do Cumbe da Guiné Equatorial, uma vez que o contexto sociocultural dessa dança envolve os escravos africanos e ameríndios.

2. Polca

Originalmente, a Polca teve início na República Tcheca, no então Império Austro-Húngaro. Anos depois, o compasso binário e os movimentos em alegretto adentraram os salões europeus. No Brasil, a fenomenal Chiquinha Gonzaga criou várias danças do estilo, sabia? 

3. Dança do Dragão

Desde a Dinastia Han, a espetacular Dança do Dragão é apresentada no ano novo chinês, com “fantoches” manipulados por várias pessoas. Por sinal, seu simbolismo reflete os bons augúrios trazidos pela criatura mitológica que é conhecida por sabedoria, poder e dignidade. 

4. Merengue

Já o Merengue é a dança nacional da República Dominicana, além de ser famoso em Porto Rico, Panamá, Cuba e segue o fio. Com passos rápidos, mas relativamente simples, os casais dançam entrelaçados, no ritmo de vários instrumentos: acordeão, baixo, tuba e mais.

5. Kabuki

Quem gosta das Artes Cênicas precisa conhecer o Teatro Kabuki, que significa “a arte de cantar e dançar”. Atualmente, esse espetáculo popular abrange música, dança, encenação, mímica e figurinos, sendo que os artistas interagem com a plateia durante a performance.

E então, o que achou dessas danças populares? Caso queira ler sobre as outras expressões do movimento, basta comentar aqui no final do artigo, ok? Na Artcetera, nosso propósito é divulgar absolutamente tudo sobre arte e cultura em um único lugar. 😍

Salvar